Dênis Athanázio 15 de setembro de 2021

http://obviousmag.org/denis_athanazio/
https://denisathanazio.wordpress.com

Ela me disse que os olhos alheios
Dizem muito
Dos conceitos e dos preconceitos
Em relação ao seu corpo, seu peso

Dizem que ela não se encaixa
Nem no carro, no avião
Na cadeira e, muito menos,
Na banheira.

Dizem que é frescura
É falta de vontade
Ser gordo hoje em dia
É coisa de covarde

A roupa que queria
Não tem do seu tamanho
A modelo veste 36
E como é que estará na “moda”
Com uma calça 56?

Comer muito é coisa de gordo
Como se magro não comesse
Magro sente fome
Gordo é “passa fome”
É descontrolado,
Não pode ver
Comida no prato

Há os que queiram
Voltar no tempo de Leonardo
Onde a gordinha Monalisa
Era a gostosa do pedaço

Neurose a mil
Qualquer convite ou evento
Uma preocupação, uma cisma
O que vestir? Quem vai?
Tem piscina?
Posso entrar na água de camisa?

Desde pequeno, na escola
Não importava
Se tinha qualidades
Sempre era chamado
De gordo, baleia
Saco de areia.

Ela me disse
Que tem por aí
Muito gordo engraçado
Pois muitos deles precisaram
Se defender
Era questão de vida
Ser engraçado para sobreviver

Sobreviver ao ódio
de “pesar” demais
De um olhar com pena
Que desaforo!
Falaram que sou bonita de rosto
E esqueceram
Que embaixo dele tem um corpo

Não quero só falar de dieta
Também temo pela minha saúde
Então me ajude, me agrade
Converse comigo sobre
Qualquer assunto
Exceto sobre obesidade

Não me faço de vítima,
Só quero querer
Só quero poder
Ser eu de corpo e alma
Por mais estranho
Que possa lhe parecer.

E talvez,
A pessoa que realmente
Não se enxergue
Não seja eu,
E sim você.

Este texto expressa exclusivamente a opinião do autor e foi publicado da forma como foi recebido, sem alterações pela equipe do Entrelaços.


busca
autores

Autores

biblioteca

Biblioteca

Entrelaços do Coração é uma revista online e sem fins lucrativos compartilhada por diversos autores. Neste espaço, você encontra várias vertentes da literatura: atualidades, crônicas, reportagens, contos, poesias, fotografias, entre outros. Não há linha específica a ser seguida, pois acreditamos que a unidade do SER é buscada na multiplicidade de ideias, sonhos, projetos. Cada autor assume inteira responsabilidade sobre o conteúdo, não representando necessariamente a linha editorial dos demais.
Poemas Silenciosos

Flickr do (Entre)laços

ExposiçãoDesenhos

Série "Natureza"

Série Natureza

DeJanelaEmJanela

DeCostas

Série "Detalhes"

Série "MoradaImprovisada"

Série Morada Improvisada

Finados

Tratando de peixe

Série Flores

Série Flores

Esporte na Colônia

Série Natureza 01

Série Natureza 05

Caxambu

Caxambu

Caxambu - 02

Caxambu - 01

Penumbra...

Aglomeração...

Portão florido...

Barra Palace

Conjunto Harmonioso...

Reunião privada...

Espaços ocupados...

Arquitetura Perfeita...

Convergência II

Convergência I