[email protected]
https://blogdopadresena.wordpress.com

Bom dia você ligada/o em nosso programa. Hoje temos algumas boas notícias e umas nem tanto, mas que merecem nossa reflexão. Vamos começar com a experiência dos três discípulos de Jesus no auto da serra, onde o Mestre viveu momento de iluminação a chamada transfiguração. A visão resplandecente do mestre levou os discípulos a sentirem o paraíso tão gostoso e já queriam esquecer a vida dura lá embaixo da serra. Jesus os acorda e avisa que a beleza do paraíso é construída com descer a serra e continuar a luta.

Isso nos desperta que com luta e organização somos capazes de experimentar a beleza do paraíso. Nesta semana aconteceram ao menos três experiências de transfiguração do Mestre Jesus aqui próximo. Um foi a vitória dos moradores da comunidade Vila Brasil, no rio Arapiuns. Ali estavam ameaçadas de despejo 80 famílias, moradoras há centenas de anos. Alguém, instigada pela ambição, quis expulsá-los da Vila. Com luta e organização a justiça confirmou que as 80 famílias são donas da terra. Para essa vitória contribuiu bastante a Federação da gleba lago Grande, FEAGLE, o STTR Santarém e o advogado da Terra de Direitos. Jesus transfigurou no Arapiuns.

Outro sinal de luz nos dão mais uma vez os parentes Munduruku e Kayapó. Foram até Brasília, exigindo respeito do governo ao Protocolo de Consulta, no caso d do perverso projeto Ferrogão. Lideranças Kayapó e Munduruku foram ao Tribunal de Contas da União, na semana passada, entregar uma carta exigindo cumprimento do direito de serem consultados no projeto da Ferrogrão, ferrovia que pretende ligar Sinop MT a Miritituba, invadindo áreas de preservação. A ferrovia invadirá 48 territórios tradicionais. Três líderes Kayapó e Munduruku, pressionaram o Tribunal de Contas da União, contra o projeto ferrogrão. Se as ameaças contra os direitos dos pobres é grande, da parte dos ambiciosos, maior é a força dos que confiam na força da organização popular. Jesus transfigurou ali.

Outro exemplo está acontecendo no município vizinho de Mojuí dos Campos. Os e as professoras estão em greve a mais de sete dias. Motivo é que o prefeito recusa dialogar com eles/as para explicar porque está prejudicando direitos legais, inclusive a questão do recursos do FUNDEB. No início deste mês, os professores foram surpreendidos com um ataque aos seus vencimentos e desrespeito ao Plano de Cargos e Carreira, quando o prefeito resolveu cortar parte das horas destes, referente a lotação de 2020. Em seguida o Prefeito editou um decreto, regulamentando que o professor efetivo seja lotado só com as horas ofertadas no concurso público.

A partir daí, os professores fizeram manifestos e não sendo atendidos resolveram fazer greve. Exigem:
• Pagamento da parte dos salários de janeiro, segundo o Plano de Cargos e Carreira;
• E revogação do decreto, que afronta o PCCR.

Então, prefeito quando candidato prometia melhorias aos eleitores. Agora acuado com as limitações de recursos, tenta prejudicar a educação do município. Curiosamente os pais dos alunos ficam calados diante da justa luta dos educadores. Mas o fato de seu sindicato manter firme a greve, é o testemunho de que a transfiguração de Jesus brilha sobre eles e elas.

Por que essa ligação entre a transfiguração de Jesus os três acontecimentos? Sempre que uma comunidade, movimento popular, sindicato se une e luta por justiça e solidariedade, aí está também Jesus brilhando e apoiando.

Vivemos um tempo de escuridão social, ameaças do covid19 e de um governo criminoso que pensa cortar recursos do SUS e da educação, mas temos sinais, inclusive possivelmente aí na sua comunidade, de que Jesus brilha transfigurado. Como ele mesmo afirmou “tudo que fizeres ao meu irmão é a mim que estás fazendo”. FEVEREIRO 27, 2021

Obs: O autor é membro da organização da Caravana 2016
Coordenador da Comissão Justiça e Paz da Diocese de Santarém (PA) e membro do Movimento Tapajós Vivo.
Autor dos livros: Amazônia: o que será amanhã? (Vol I e II) e Uma revolução que ainda não aconteceu.

Este texto expressa exclusivamente a opinião do autor e foi publicado da forma como foi recebido, sem alterações pela equipe do Entrelaços.


busca
autores

Autores

biblioteca

Biblioteca

Entrelaços do Coração é uma revista online e sem fins lucrativos compartilhada por diversos autores. Neste espaço, você encontra várias vertentes da literatura: atualidades, crônicas, reportagens, contos, poesias, fotografias, entre outros. Não há linha específica a ser seguida, pois acreditamos que a unidade do SER é buscada na multiplicidade de ideias, sonhos, projetos. Cada autor assume inteira responsabilidade sobre o conteúdo, não representando necessariamente a linha editorial dos demais.
Poemas Silenciosos

Flickr do (Entre)laços

ExposiçãoDesenhos

Série "Natureza"

Série Natureza

DeJanelaEmJanela

DeCostas

Série "Detalhes"

Série "MoradaImprovisada"

Série Morada Improvisada

Finados

Tratando de peixe

Série Flores

Série Flores

Esporte na Colônia

Série Natureza 01

Série Natureza 05

Caxambu

Caxambu

Caxambu - 02

Caxambu - 01

Penumbra...

Aglomeração...

Portão florido...

Barra Palace

Conjunto Harmonioso...

Reunião privada...

Espaços ocupados...

Arquitetura Perfeita...

Convergência II

Convergência I