[email protected]
cassioamaral.blogspot.com.br

Onde está a saudade ?
Se a mudez não pode me dar
o verso perfeito para traduzi-la
Nem José Luís Peixoto me acena com
uma metáfora desregrada de profundidade sobre…
Onde está a saudade além do meu amor a ela
Uma pequena, uma miúda como dizem os portugueses?
Um laço forte além é de pai e filha de filha e pai
Mãos dadas indo à pracinha ou ao mercado para comprar-te uma bala, chiclete, um sorvete que lhe faça rir…
Uma mocinha já está, sabe o que quer. Alegria incólume livre.
Nasceu para ser feliz, no sorriso que carregas e na profusão de potência de vida que tens.
Onde está sua risada que nas madrugadas abissais são mais prolongadas
no mesmo horário , no mesmo tino, no mesmo jeito
já que a Ignorância humana nos banha e cobre de zelos
E seu contato é só um brilho estrela guia luz que carrego dia e noite
Noite e dia verso em expansão olhar no âmago do encontro que anseio
Onde está teu canto?
Canto este que desde cedo é pegada de quem sabe que o palco é alma
Da alma de ser alma nas suas canções que inventas
Canções que nunca gravei e que tu capitou
que te carregam por ser minha filha
E que alimenta toda nossa raiz no decorrer de vaticínios e oficina de sonhos
Pois tu sou eu e eu sou tu além de tempo espaço
Onde é a casa da Saudade se Vênus admite São Miguel Arcanjo
Que no etéreo é milagre
Que no dia certo abraça o encontro
Num momento tão mágico
Tão mágico como lágrimas
Órbita da vida.
25/11/2017

Obs: O autor é mineiro, natural de Araxá, professor de História e Sociologia no Ensino Médio e é Juiz Arbitral, pela AJAAP (Associação dos Juízes Arbitrais do Planalto). Começou a escrever poemas a partir dos 13 anos de idade e tem seis livros publicados: Lua Insana Sol Demente, de 2001, Estrelas Cadentes, de 2003, Sonnen, de 2008, Milenar, de 2016, todos pela JAR edições; e o eBook Enten Katsudatsu, de 2010, pela Germina Literatura, e o Faísca, de 2014, pelo Coletivo Anfisbena e Edições Imprevisto. Além dos livros, tem textos publicados em vários sites e blogues.

Este texto expressa exclusivamente a opinião do autor e foi publicado da forma como foi recebido, sem alterações pela equipe do Entrelaços.


busca
autores

Autores

biblioteca

Biblioteca

Entrelaços do Coração é uma revista online e sem fins lucrativos compartilhada por diversos autores. Neste espaço, você encontra várias vertentes da literatura: atualidades, crônicas, reportagens, contos, poesias, fotografias, entre outros. Não há linha específica a ser seguida, pois acreditamos que a unidade do SER é buscada na multiplicidade de ideias, sonhos, projetos. Cada autor assume inteira responsabilidade sobre o conteúdo, não representando necessariamente a linha editorial dos demais.
Poemas Silenciosos

Flickr do (Entre)laços

ExposiçãoDesenhos

Série "Natureza"

Série Natureza

DeJanelaEmJanela

DeCostas

Série "Detalhes"

Série "MoradaImprovisada"

Série Morada Improvisada

Finados

Tratando de peixe

Série Flores

Série Flores

Esporte na Colônia

Série Natureza 01

Série Natureza 05

Caxambu

Caxambu

Caxambu - 02

Caxambu - 01

Penumbra...

Aglomeração...

Portão florido...

Barra Palace

Conjunto Harmonioso...

Reunião privada...

Espaços ocupados...

Arquitetura Perfeita...

Convergência II

Convergência I