([email protected])

UMA CONTRIBUIÇÃO DA PARÓQUIA DE SÃO JOÃO BATISTA DE ALDEIA

Duas festas bem populares na Igreja são as festas juninas e as festas natalinas. Mesmo ainda em tempo de pandemia que nos está tirando o juízo, colhemos algumas ideias de pastoralistas da paróquia de São João Batista de Aldeia, conduzida por Pe. Paulo Dutra, sobre a prática das festas juninas em algumas escolas dessa paróquia. A primeira experiência vem da Escola 19 de abril que fica no bairro do oitenta do Km 4,5. Ali se comemora a FESTA DA COLHEITA. O bairro de formação predominante evangélica, desenvolve o projeto semear e trabalha com os alunos as questões do meio ambiente, plantio, cultivo, colheita e preparo dos alimentos; a comunidade tem uma horta que é preparada e desenvolvida pelos alunos. Nas festividades juninas fica bem claro que tudo gira em torno do plantio e colheita e que o momento celebrativo mais forte é reunião da comunidade educativa, pais e familiares. Todos rendem graças a Deus não só pelos frutos colhidos mas repartidos entre todos; é um momento especial. Há festa e reflexão em cada passo do processo e assim se aprende a importância de cuidar, plantar e colher tudo o que Deus nos oferece. Essa foi uma experiência narrada pela professora Nise; no entanto professor Kauê Luiz, nessa época da ECOPRIME, uma escola também de orientação evangélica, confirmou a mesma experiência e Nise acrescentou que a gestora tem a maior preocupação de não ferir a fé dos demais alunos. Existe um respeito nas vivências de fé. Bem característico das festas juninas é a animação, a alegria e a festa: quadrilha, fogueira, pamonha, canjica, fogos e até balões; nem a pandemia, creio que apague a festa feita com reserva. É na festa que se manifesta a fraternidade, o compadrio e a familiaridade. Mas nada disso deve esconder as mensagens dos santos juninos: Santo Antônio, São João e São Pedro; eles nos apontam para o Cristo e seu evangelho. Após as festas juninas devemos amanhecer mais cristãos e mais fortes na fé; mais amorosos e mais solidários. Boas festas juninas para todos

Obs: O autor é Mestre em Educação pela Université du Québec à Hull (Canadá), professor da Unicap e da Fafire e  presidente da Comissão de Pastoral para a Educação da Arquidiocese de Olinda e Recife.

Este texto expressa exclusivamente a opinião do autor e foi publicado da forma como foi recebido, sem alterações pela equipe do Entrelaços.


busca
autores

Autores

biblioteca

Biblioteca

Entrelaços do Coração é uma revista online e sem fins lucrativos compartilhada por diversos autores. Neste espaço, você encontra várias vertentes da literatura: atualidades, crônicas, reportagens, contos, poesias, fotografias, entre outros. Não há linha específica a ser seguida, pois acreditamos que a unidade do SER é buscada na multiplicidade de ideias, sonhos, projetos. Cada autor assume inteira responsabilidade sobre o conteúdo, não representando necessariamente a linha editorial dos demais.
Poemas Silenciosos

Flickr do (Entre)laços

ExposiçãoDesenhos

Série "Natureza"

Série Natureza

DeJanelaEmJanela

DeCostas

Série "Detalhes"

Série "MoradaImprovisada"

Série Morada Improvisada

Finados

Tratando de peixe

Série Flores

Série Flores

Esporte na Colônia

Série Natureza 01

Série Natureza 05

Caxambu

Caxambu

Caxambu - 02

Caxambu - 01

Penumbra...

Aglomeração...

Portão florido...

Barra Palace

Conjunto Harmonioso...

Reunião privada...

Espaços ocupados...

Arquitetura Perfeita...

Convergência II

Convergência I