No dia do Juizo Final, todo mundo tem o direito de pendurar seus sofrimentos em algum galho da grande árvore das angústias. Depois que todo mundo tiver encontrado o seu galho, onde pode se desfazer de todo o peso, todos começam a arrodear lentamente a grande árvore. Todos têm o direito de escolher o pacote de preocupações que gostaria de receber no lugar do seu próprio. Mas por incrível que pareça, todos tiram da árvore novamente sua própria sacola  e voltam para sua sorte, em vez de  carregar a peso dos outros. E cada um sai de lá mais sábio do que quando veio.

Kurzgeschichten 6 – 34  Der Sorgenbaum
Tradução e interpretação Adolfo Temme

Esta história parece supor a reincarnação.
Quem não acredita nisto, no entanto, não deixa de constatar
que a vida tem capítulos bem diferentes,
com uma página em branco entre um e outro.
Alegrias são recebidas com naturalidade, quase sem registrar.
Problemas são encarados com protesto, como acidentes.
O azar só cai em mim. Vida boa é sómente do outro.

Que coisa boa poder tirar a carga do ombro
e ver o conjunto das vidas humanas na grande árvore
que carrega o peso de todos sem julgar.
Na roda que se faz, os mais diferentes se dão as mãos
numa ciranda que começa tropeçando até pegar o jeito.
A árvore da Paciência Divina sustenta a todos.
O que parecia ser tão aborrecido balança com o vento,
como se não conhecesse problema.
Tudo se vê aceito e valorizado
e perde a tristeza com o entusiasmo da ciranda.
É claro que não vou querer a sorte do outro.
Não vou desprezar o que é meu.

Obs: O autor é Frade Franciscano, nasceu na Alemanha em 1940.
Chegou ao Brasil como missionário em 1964. Depois de completar os estudos em Petrópolis atuou no Piaui e no Maranhão. Exerceu trabalhos pastorais nos anos 80 em meio a conflitos de terra. Desde 1995 vive em Teresina no RETIRO SÃO FRANCISCO onde orienta pessoas na busca da vida espiritual.   

Este texto expressa exclusivamente a opinião do autor e foi publicado da forma como foi recebido, sem alterações pela equipe do Entrelaços.


busca
autores

Autores

biblioteca

Biblioteca

Entrelaços do Coração é uma revista online e sem fins lucrativos compartilhada por diversos autores. Neste espaço, você encontra várias vertentes da literatura: atualidades, crônicas, reportagens, contos, poesias, fotografias, entre outros. Não há linha específica a ser seguida, pois acreditamos que a unidade do SER é buscada na multiplicidade de ideias, sonhos, projetos. Cada autor assume inteira responsabilidade sobre o conteúdo, não representando necessariamente a linha editorial dos demais.
Poemas Silenciosos

Flickr do (Entre)laços

ExposiçãoDesenhos

Série "Natureza"

Série Natureza

DeJanelaEmJanela

DeCostas

Série "Detalhes"

Série "MoradaImprovisada"

Série Morada Improvisada

Finados

Tratando de peixe

Série Flores

Série Flores

Esporte na Colônia

Série Natureza 01

Série Natureza 05

Caxambu

Caxambu

Caxambu - 02

Caxambu - 01

Penumbra...

Aglomeração...

Portão florido...

Barra Palace

Conjunto Harmonioso...

Reunião privada...

Espaços ocupados...

Arquitetura Perfeita...

Convergência II

Convergência I