pt-br.facebook.com/PadreBetoBauru
https://www.youtube.com/padrebeto
Padre Beto oficial (@padre_beto_oficial) – Instagram

Quando Arthur Morrison é diagnosticado com câncer em estágio terminal, descobre também que tem poucas semanas de vida. Com isso, o filho, Blake, resolve promover uma reaproximação com o pai, com quem não tinha contato há muito tempo. “Quando Você Viu seu Pai pela última Vez?”, de Anand Tucker, acompanha o drama pelo qual pai e filho passam, na medida em que o tempo de vida de Arthur somente diminui.

O texto de Jô 21, 1-19 é uma criação do Evangelista, não com a intenção de contar mais uma aparição do ressuscitado, mas de apresentar a figura de Pedro. A personagem principal de toda a narração é Simão Pedro e, através dela, temos muito que aprender. Pedro se apresenta, em primeiro lugar, como um sujeito ativo. Ele sentado com os outros à beira do mar de Tiberíades, diz: “Eu vou pescar”. Ele não convida os outros, muito menos espera um convite, ele decide: eu vou. Mais tarde, ao ouvir que o senhor está na margem, Pedro não responde com palavras, mas toma uma atitude, se veste e atira-se ao mar. Depois ao ouvir Jesus pedindo mais peixe para a refeição Pedro não manda ninguém e nem espera que os outros façam, ele mesmo empurra a barca e a rede trazendo os peixes. Pedro é um sujeito que faz. Depois desta apresentação, o Evangelista cria um diálogo entre Jesus e Pedro, no qual Jesus pergunta a seu discípulo por três vezes: “Pedro, tu me amas?” Pedro fica triste com as três repetições da mesma pergunta. O Evangelista faz aqui uma referência às três negações de Pedro durante a Paixão do senhor. Mas mostra Pedro respondendo positivamente. Com este diálogo, temos o completo retrato de Pedro. Ele é um ser ativo, mas também é um ser humano. Ele foi um traidor, mas passou pelo arrependimento. Mais que isso, ele não permanece no arrependimento. Pedro aprende com seu erro e vai em busca do acerto. Pedro é um líder. Como Pedro todo cristão é, por essência, um líder. A liderança não é uma característica nata de uma pessoa, mas algo que todos podem alcançar. O líder se faz a partir do momento que se torna ativo, que aprende com seus erros e vai em busca dos acertos, que não espera um convite ou uma ordem, mas realiza o que é certo. Por fim, o texto termina com um ditado popular: “Quando eras Jovem, tu te cingias e ias para onde querias. Quando fores velho, estenderas as mãos e outro te cingirá e te levará para onde não queres ir”. O ditado, no contexto do texto, é mais profundo do que se imagina. Para os antigos, envelhecer era alcançar a sabedoria, a consciência, o sentido da vida. Permanecer jovem era permanecer imaturo, sem experiências, à mercê das circunstâncias e do modismo. O ditado diz que, quando somos jovens, temos vitalidade e vamos para onde desejamos, mas quando envelhecemos alcançamos a consciência, o sentido da vida. A partir deste momento, não fazemos mais simplesmente o que desejamos, mas o que deve ser feito. Por isso, vamos muitas vezes para onde não queremos ir. A consciência cristã está impregnada pelos princípios do respeito profundo ao outro e pela valorização da vida e do ser humano. Quem atinge esta consciência pode até desejar não se envolver com as situações e permanecer tranquilo em sua casa, mas não consegue, porque sua consciência fala mais alto. O cristão não deseja ser solidário, ele não consegue não ser solidário. Ele, muitas veze, não deseja ser honesto, mas não consegue ser desonesto. Sua consciência fala mais alto e o ordena a lutar por um mundo mais digno e humano para as pessoas.

Este texto expressa exclusivamente a opinião do autor e foi publicado da forma como foi recebido, sem alterações pela equipe do Entrelaços.


busca
autores

Autores

biblioteca

Biblioteca

Entrelaços do Coração é uma revista online e sem fins lucrativos compartilhada por diversos autores. Neste espaço, você encontra várias vertentes da literatura: atualidades, crônicas, reportagens, contos, poesias, fotografias, entre outros. Não há linha específica a ser seguida, pois acreditamos que a unidade do SER é buscada na multiplicidade de ideias, sonhos, projetos. Cada autor assume inteira responsabilidade sobre o conteúdo, não representando necessariamente a linha editorial dos demais.
Poemas Silenciosos

Flickr do (Entre)laços

ExposiçãoDesenhos

Série "Natureza"

Série Natureza

DeJanelaEmJanela

DeCostas

Série "Detalhes"

Série "MoradaImprovisada"

Série Morada Improvisada

Finados

Tratando de peixe

Série Flores

Série Flores

Esporte na Colônia

Série Natureza 01

Série Natureza 05

Caxambu

Caxambu

Caxambu - 02

Caxambu - 01

Penumbra...

Aglomeração...

Portão florido...

Barra Palace

Conjunto Harmonioso...

Reunião privada...

Espaços ocupados...

Arquitetura Perfeita...

Convergência II

Convergência I