www.canticodaspalavras.blogspot.com
www.opiniaoeatitude.blogspot.com
www.canticopalabras.blogspot.com
www.incurfotograficas.blogspot.com.br/

No metrô, e você pode me questionar: porque sempre no metrô? E eu te devolvo a pergunta, há melhor lugar para se observar as reações das pessoas do quê nos coletivos?
Ali as pessoas estão de saco cheio, cansadas, voltam ou vão para o trabalho diariamente em conduções superlotadas, seja no metrô, no trem, no ônibus ou nas barcas, tendo que suportar todo o tipo de desrespeito. Eu falo das coisas que acontecem particularmente no metrô porque é o coletivo que tenho de enfrentar todos os dias.
E há nos coletivos, aquele tipo de pessoa da qual eu gostaria de falar hoje. Aquele tipo especial de gente que não sabe o que é “coletivo”, não entende o que significa ser “cidadão” e para a qual a palavra “solidariedade” lhe é totalmente desconhecida, que dirá então “educação”.
Falo do povo que deita no ferro do metrô lotado e, não permite, que outras pessoas possam sequer segurar naquele ferrinho para conseguirem o mínimo de equilíbrio e assim, se manterem de pé.
Falo das pessoas que fingem dormir nas poltronas destinadas a gestantes, idosos e portadores de deficiências.
Falo dos “homens” idiotas que abrem suas pernas, como se seus sacos fossem infinitos e tomam conta de dois bancos, não permitindo que mais uma pessoa sentem neles. E que quando são repreendidos xingam e parecem que vão te bater porque são muito “machos”.
Essas pessoas têm muito que aprender na vida. Espero que a vida lhes ensine rápida e duramente, mas que com isso elas venham para o lado bom da força e comecem a ver que a cidadania se constrói com pequenas atitudes, através da desconstrução de muitos “mitos idiotas” e da sua substituição, pelas verdadeiras e produtivas virtudes, que se traduzem em amor e solidariedade.

Este texto expressa exclusivamente a opinião do autor e foi publicado da forma como foi recebido, sem alterações pela equipe do Entrelaços.


busca
autores

Autores

biblioteca

Biblioteca

Entrelaços do Coração é uma revista online e sem fins lucrativos compartilhada por diversos autores. Neste espaço, você encontra várias vertentes da literatura: atualidades, crônicas, reportagens, contos, poesias, fotografias, entre outros. Não há linha específica a ser seguida, pois acreditamos que a unidade do SER é buscada na multiplicidade de ideias, sonhos, projetos. Cada autor assume inteira responsabilidade sobre o conteúdo, não representando necessariamente a linha editorial dos demais.
Poemas Silenciosos

Flickr do (Entre)laços

ExposiçãoDesenhos

Série "Natureza"

Série Natureza

DeJanelaEmJanela

DeCostas

Série "Detalhes"

Série "MoradaImprovisada"

Série Morada Improvisada

Finados

Tratando de peixe

Série Flores

Série Flores

Esporte na Colônia

Série Natureza 01

Série Natureza 05

Caxambu

Caxambu

Caxambu - 02

Caxambu - 01

Penumbra...

Aglomeração...

Portão florido...

Barra Palace

Conjunto Harmonioso...

Reunião privada...

Espaços ocupados...

Arquitetura Perfeita...

Convergência II

Convergência I