A 90 minutos de Recife existe uma preciosidade que o Nordeste e o Brasil ainda não conhecem (talvez, até mesmo, uma boa parte dos Pernambucanos). O termo técnico-científico que define esse lugar é “brejo de altitude em transição”, mas a expressão popular é muito mais precisa: belezura! Serra Negra é uma pequena vila, do município de Bezerros, que reúne características geográficas e climáticas únicas. Sua altitude (variando de 810 a 1004 metros acima do nível do mar) permite que ela fique grande parte do ano literalmente dentro das nuvens. Seu clima é para ser “degustado”. Alguns dias (no verão) até faz calor pela manhã. Entretanto, as noites são sempre muito frescas sendo que no inverno a temperatura de 16 graus (com sensação térmica de 10-11, pelos ventos e umidade) é a regra. Mas já foi registrado muito menos que isso (8 graus). Além das vistas dos vários mirantes, pontos turísticos e trilhas, todos têm o direito a deslumbrantes paisagens. Você pode escolher qual belo visual deseja “saborear”: muitos infinitos; a beleza do contorno de seus montes/rochedos; os pequenos vales; as cidades e vilas que lá embaixo a circundam-na (a noite parece um grande presépio de luzes); o casario simples (urbano ou rural) ou o mais sofisticado; o nascer e o pôr do sol (ou da lua), etc. Além disso, o “produto” da dança da luz com as nuvens e o vento é um espetáculo imperdível que varia o tempo todo e rapidamente. Surreal! É um bailado singular e matéria prima inigualável para aqueles que têm o dom do desenho, da pintura e da fotografia. E a flora? Além das flores, tem de tudo. Da mata atlântica até espécies características do sertão. E vários tipos de pinheiros de clima frio se adaptaram muito bem por lá. Seu potencial turístico (tradicional, de eventos, de aventura, ecológico, rural, de contemplação ou alternativo), de desenvolvimento sustentável e de geração de renda para milhares de pessoas é, simplesmente, incomensurável. No mínimo, igual ao das serras gaúchas, paulistas e fluminenses. Sabem aquela botija de ouro que fica no pé do arco íris? É a nossa Serra Negra. Ali “se plantando, tudo dá”. Das coisas rurais até asa delta, balonismo, gastronomia, rapel, festivais, retiro espiritual, etc. Por tudo isso, podemos afirmar que Serra Negra é um dos lugares mais mágicos e bonitos do Brasil e inspira o sentimento do “Bom, Belo e Verdadeiro” naqueles que têm a oportunidade de conhecê-la. Talvez isso explique porque tanta gente especial está indo pra lá. Que privilégio para Pernambuco ter sido abençoado com um pedacinho do paraíso! ps: lugar especial merece cuidado e carinho especial de todos, não é mesmo?

Publicado no jornal Folha de Pernambuco, 07-09-2015, página 6.

Obs: O autor, Prof. Dr. Aurélio Molina, Ph.D pela University of Leeds (Inglaterra) é membro das Academias Pernambucanas de Ciências e de Medicina, professor da UPE, Coordenador do Programa Ganhe o Mundo.



busca
autores

Autores

biblioteca

Biblioteca

Entrelaços do Coração é uma revista online e sem fins lucrativos compartilhada por diversos autores. Neste espaço, você encontra várias vertentes da literatura: atualidades, crônicas, reportagens, contos, poesias, fotografias, entre outros. Não há linha específica a ser seguida, pois acreditamos que a unidade do SER é buscada na multiplicidade de ideias, sonhos, projetos. Cada autor assume inteira responsabilidade sobre o conteúdo, não representando necessariamente a linha editorial dos demais.
Poemas Silenciosos

Flickr do (Entre)laços

ExposioDesenhos

Srie "Natureza"

Srie Natureza

DeJanelaEmJanela

DeCostas

Srie "Detalhes"

Srie "MoradaImprovisada"

Srie Morada Improvisada

Finados

Tratando de peixe

Srie Flores

Srie Flores

Esporte na Colnia

Srie Natureza 01

Srie Natureza 05

Caxambu

Caxambu

Caxambu - 02

Caxambu - 01

Penumbra...

Aglomerao...

Porto florido...

Barra Palace

Conjunto Harmonioso...

Reunio privada...

Espaos ocupados...

Arquitetura Perfeita...

Convergncia II

Convergncia I