https://www.facebook.com/DiocesedeCratoCE/

O exercício dos cristãos é ensinado no Evangelho na Oração do Pai-Nosso.

A oração é a maior certeza dos cristãos, é a garantia de que são discípulos do Senhor, porque, quem reza, está sempre escutando o que o Senhor tem a dizer. E nós rezamos não apenas com as palavras, mas com o semblante, com os olhos. Rezamos com o coração, com a presença.

Jesus ensina o “Pai-Nosso” a partir do pedido dos discípulos: “Ensina-nos a rezar”. Os discípulos pedem isso, porque viam Jesus rezar.

Agora, vejam bem, quando Jesus ensina o Pai-Nosso, Ele não ensina palavras; Ele ensina atitudes.

Neste tempo da Quaresma, a oração faz perceber o quanto nós estamos perto ou distante do Senhor”. Por isso, ao rezarmos, não tenhamos preocupação de rezar ‘decoradamente’, mas tenhamos a preocupação em vivenciar aquilo que nós estamos dizendo ao Senhor.

Obs: Quer faça sol, quer faça chuva, lá está o povo romeiro para celebrar a vida e recordar as virtudes do “Padrinho Cícero” com motivação e fé. Foi assim nesta terça-feira quando só se avistavam guarda-chuvas no largo da Capela do Socorro, em Juazeiro do Norte, onde aconteceu a tradicional Missa do Dia 20. As gotas que molham o chão do Cariri nos últimos dias foram colocadas no altar do Senhor, como motivo de ação de graças.

Ao fim da Santa Missa, as “calorosas salvas de palmas” foram substituídas por um gesto que expressou igual alegria: o de levantar e baixar o guarda-chuva. A ideia partiu do bispo. Ele explicou que, como as palmas não podiam ser calorosas, porque pelo menos umas das mãos dos romeiros estavam ocupadas, o gesto que demonstraria ao Brasil a alegria do povo seria este: o do guarda-chuva. E assim os romeiros fizeram.

O autor é Bispo Diocesano de Crato.

Este texto expressa exclusivamente a opinião do autor e foi publicado da forma como foi recebido, sem alterações pela equipe do Entrelaços.


busca
autores

Autores

biblioteca

Biblioteca

Entrelaços do Coração é uma revista online e sem fins lucrativos compartilhada por diversos autores. Neste espaço, você encontra várias vertentes da literatura: atualidades, crônicas, reportagens, contos, poesias, fotografias, entre outros. Não há linha específica a ser seguida, pois acreditamos que a unidade do SER é buscada na multiplicidade de ideias, sonhos, projetos. Cada autor assume inteira responsabilidade sobre o conteúdo, não representando necessariamente a linha editorial dos demais.
Poemas Silenciosos

Flickr do (Entre)laços

ExposiçãoDesenhos

Série "Natureza"

Série Natureza

DeJanelaEmJanela

DeCostas

Série "Detalhes"

Série "MoradaImprovisada"

Série Morada Improvisada

Finados

Tratando de peixe

Série Flores

Série Flores

Esporte na Colônia

Série Natureza 01

Série Natureza 05

Caxambu

Caxambu

Caxambu - 02

Caxambu - 01

Penumbra...

Aglomeração...

Portão florido...

Barra Palace

Conjunto Harmonioso...

Reunião privada...

Espaços ocupados...

Arquitetura Perfeita...

Convergência II

Convergência I