edilrural@gmail.com
https://blogdopadresena.wordpress.com

Não se pode esconder o sol com a peneira, nem enterrar a cabeça na areia como a avestruz. Nosso Brasil vive hoje uma ditadura tão terrível quanto a de 1064-85. A ditadura de hoje veste uma máscara de democracia, mas está controlada por um grupo de bandidos nos três poderes da república, judiciário, parlamentar e executivo. Por trás desses existe um grupo munido de tanques e metralhadoras e que de vez em quando se sente no direito de mandar nos outros bandos. É o que está acontecendo nestes dias. Assim, mudam as leis prejudicando trabalhadores e a educação, violam a constituição para atender seus interesses. Para iludir as populações esses grupos utilizam os canais de televisão nacional Rede Globo, Bandeirante e suas colegas, que transmitem meias notícias e falsas informações. Deixam a falsa informação de que o país vai melhorando, que aumenta o numero de trabalhadores de carteira assinada, e isso e aquilo.

O que está acontecendo nestes dias ilustra muito bem a ditadura implantada no Brasil. O Supremo Tribunal Federal que de supremo não tem nada mais. Afinal, a um grito de dois generais ameaçando tomar conta do país os ministros se ajoelharam e mandaram o ex presidente Lula da Silva para o presídio. Não há provas de crimes, mas há receio de que ele volte a ser presidente do país e novamente distribua a renda nacional com os pobres. Se ele cometeu corrupção ou não se tem provas, mas os juízes obedeceram ordens superiores e o tornaram sem direito a ser candidato e ser eleito. Sabem eles que Lula da Silva tem 75 % de aprovação popular e hoje é candidato ao prêmio Nobel da Paz internacional. Os meios de comunica da Europa, Canadá e Estados Unidos da América ridicularizam nosso país, que já foi o sétimo país mais rico do mundo.

Porém, observando aqui mais perto de nós, há sinais de esperança no ar. Apresento dois entre outros, nessa conjuntura de trevas. O primeiro aconteceu na quinta feira passada. Foi mais uma batalha firme do Movimento de Trabalhadores em luta por moradia, o MTLM. Estiveram na Câmara de Vereadores de Santarém cerca de 500 pais e mães de família, pressionando os vereadores a assumirem sua responsabilidade de defensores do povo. A questão é a urgência de o poder público regularizar a ocupação, do bairro Bela Vista do Juá. Há quatro anos está acontecendo a ocupação hoje com mais de dois mil ocupantes, maioria já morando lá. O prefeito tem em mãos uma lei federal que lhe dá poder de regularizar áreas de ocupação irregular para garantir moradia própria. Como o gestor está fugindo de sua responsabilidade, a associação do bairro cobrou dos vereadores assumirem seu papel de fiscalizadores do executivo para o bem da população. O plenário da Câmara ficou lotado, mais o pátio do prédio e a praça em frente. Os ansiosos moradores aplaudiam os depoimentos positivos e vaiavam alguns negativos. Ao final da sessão ficou combinado que dia 12, próxima quinta feira haverá outra reunião com presença de prefeitura, governo do Estado, Vereadores e movimento popular MTLM. Disseram alguns que naquela reunião será definida a questão da regularização n do bairro Bela Vista do Juá.

Um outro sinal de esperança aconteceu nos dias 3 e 4 da semana passada em Santarém. Foi um encontro sobre possibilidade de se implantar sistemas de energia solar em residências da cidade e das margens do Tapajós. Dois representantes do Forum nacional de energia alternativa, estiveram reunidos com militantes do Movimento Tapajós Vivo estudando a possibilidade de implantação de um projeto de instalação de energia solar aqui na região do Tapajós. Ao final de um dia e meio de explicações ficou combinado que o Movimento Tapajós Vivo irá convidar várias organizações populares da região para ver a possibilidade de instalação d energia solar em comunidades urbanas e rurais. Em breve, o projeto estará em ação e novas esperanças especialmente para comunidades que ainda hoje não tem o privilégio de ter luz elétrica grátis e renovável do irmão sol em suas casas. Tudo é possível quando há vontade e organização em busca do bem comum.

Obs: O autor é membro da organização da Caravana 2016
Coordenador da Comissão Justiça e Paz da Diocese de Santarém (PA) e membro do Movimento Tapajós Vivo.
Autor dos livros: Amazônia: o que será amanhã? (Vol I e II) e Uma revolução que ainda não aconteceu.



busca
autores

Autores

biblioteca

Biblioteca

Entrelaços do Coração é uma revista online e sem fins lucrativos compartilhada por diversos autores. Neste espaço, você encontra várias vertentes da literatura: atualidades, crônicas, reportagens, contos, poesias, fotografias, entre outros. Não há linha específica a ser seguida, pois acreditamos que a unidade do SER é buscada na multiplicidade de ideias, sonhos, projetos. Cada autor assume inteira responsabilidade sobre o conteúdo, não representando necessariamente a linha editorial dos demais.
Poemas Silenciosos

Flickr do (Entre)laços

ExposioDesenhos

Srie "Natureza"

Srie Natureza

DeJanelaEmJanela

DeCostas

Srie "Detalhes"

Srie "MoradaImprovisada"

Srie Morada Improvisada

Finados

Tratando de peixe

Srie Flores

Srie Flores

Esporte na Colnia

Srie Natureza 01

Srie Natureza 05

Caxambu

Caxambu

Caxambu - 02

Caxambu - 01

Penumbra...

Aglomerao...

Porto florido...

Barra Palace

Conjunto Harmonioso...

Reunio privada...

Espaos ocupados...

Arquitetura Perfeita...

Convergncia II

Convergncia I