elza fraga 15 de janeiro de 2018

[email protected]
tempoinverso.blogspot.com.br
contosincantos.blogspot.com.br
versoinverso.blogspot.com.br

Eu me despi de ti.

Soltei as alças, desabotoei a alma que estava presa a tua, deixei escorregar a vestimenta lentamente até o chão.

Pisei sobre cada dobra suja.
Chutei o mais longe que consegui com meus pés já nus.
Agora, liberta, saí pela porta, nua de qualquer presença tua.

Desculpa se não disse adeus… Não deu!

O meu tempo agora é pouco pra tanta correria atrás do vento, buscando ter de volta o que havia antes de ter te vestido:
Um passado bem traçado de esperança, uma lembrança d’um alguém inexistido.

Talvez ele exista e eu só não saiba em que estrela se escondeu.

Enquanto durou até foi divertido.
Mas ninguém vive só de risos, é preciso mais, é preciso paz, voo, liberdade.

Estou pegando e desembrulhando a minha vida ela será meu presente de Natal.
O meu melhor presente é ter-me de volta aos braços meus.

Desculpa se não me doeu…

elza fraga
Querendo voar novamente, jogando fora o peso e atarrachando, de volta, as asas.

Este texto expressa exclusivamente a opinião do autor e foi publicado da forma como foi recebido, sem alterações pela equipe do Entrelaços.


busca
autores

Autores

biblioteca

Biblioteca

Entrelaços do Coração é uma revista online e sem fins lucrativos compartilhada por diversos autores. Neste espaço, você encontra várias vertentes da literatura: atualidades, crônicas, reportagens, contos, poesias, fotografias, entre outros. Não há linha específica a ser seguida, pois acreditamos que a unidade do SER é buscada na multiplicidade de ideias, sonhos, projetos. Cada autor assume inteira responsabilidade sobre o conteúdo, não representando necessariamente a linha editorial dos demais.
Poemas Silenciosos

Flickr do (Entre)laços

ExposiçãoDesenhos

Série "Natureza"

Série Natureza

DeJanelaEmJanela

DeCostas

Série "Detalhes"

Série "MoradaImprovisada"

Série Morada Improvisada

Finados

Tratando de peixe

Série Flores

Série Flores

Esporte na Colônia

Série Natureza 01

Série Natureza 05

Caxambu

Caxambu

Caxambu - 02

Caxambu - 01

Penumbra...

Aglomeração...

Portão florido...

Barra Palace

Conjunto Harmonioso...

Reunião privada...

Espaços ocupados...

Arquitetura Perfeita...

Convergência II

Convergência I