foto jaime sidonio2

[email protected]

A longa história de relacionamento entre Deus e a humanidade precisa ser vista e assumida como uma história de amor e salvação. É esta certeza que fará com que nossa existência seja plena de sentido.

Deus pensou em nós desde sempre, eternamente nos amou e chamou à vida, fazendo-nos parecidos com ele, à sua imagem e semelhança, isto é, humanos, mas também divinos. É maravilhoso ter consciência disso. Eis por que precisamos nos convencer de que a contemplação dessa história é o grande caminho para chegarmos à verdadeira experiência do amor e da ternura de Deus em nossa vida, situando-nos dentro do contexto amoroso do mistério da criação.

Eis por que a única forma de um ser humano realizar-se como pessoa é viver em profundidade o amor, sentimento pelo qual é capaz de chamar aos outros irmãos e fazer deles o centro de sua vida.

Este texto expressa exclusivamente a opinião do autor e foi publicado da forma como foi recebido, sem alterações pela equipe do Entrelaços.


busca
autores

Autores

biblioteca

Biblioteca

Entrelaços do Coração é uma revista online e sem fins lucrativos compartilhada por diversos autores. Neste espaço, você encontra várias vertentes da literatura: atualidades, crônicas, reportagens, contos, poesias, fotografias, entre outros. Não há linha específica a ser seguida, pois acreditamos que a unidade do SER é buscada na multiplicidade de ideias, sonhos, projetos. Cada autor assume inteira responsabilidade sobre o conteúdo, não representando necessariamente a linha editorial dos demais.
Poemas Silenciosos

Flickr do (Entre)laços

ExposiçãoDesenhos

Série "Natureza"

Série Natureza

DeJanelaEmJanela

DeCostas

Série "Detalhes"

Série "MoradaImprovisada"

Série Morada Improvisada

Finados

Tratando de peixe

Série Flores

Série Flores

Esporte na Colônia

Série Natureza 01

Série Natureza 05

Caxambu

Caxambu

Caxambu - 02

Caxambu - 01

Penumbra...

Aglomeração...

Portão florido...

Barra Palace

Conjunto Harmonioso...

Reunião privada...

Espaços ocupados...

Arquitetura Perfeita...

Convergência II

Convergência I