freiadolfotransfiguração

Hoje celebramos a Festa da Transfiguração. O Senhor que andou nesta terra nas pobres vestes da fraqueza humana, resolveu brilhar por um momento nas vestes de glória. E isto, antes da Paixão, no meio das lutas. Ele quer nos dizer com isto que também nós vivemos em duas realidades: sofrimentos e cuidados são de todo dia, mas o transparecer da glória também já acontece na nossa vida, antes da volta ao Senhor. E é disto que vive a nossa fé.

Hoje respondi uma carta que veio da Ir. Andreza, lá de São Paulo. Ela conta do trabalho dela de acompanhar portadoras de Aids, sem ligação familiar, muitas delas em fase final. A Irmã que toca e canta, tenta embalar as pessoas com música. Com isto conseguiu tirar da toca a Dona Joana, muito debilitada e fechada em si. Um dia tentou ensinar alguns passos de dança; de repente Joana se levantou e entrou na música, enquanto seu rosto se iluminava de alegria. As companheiras ficaram batendo palmas: Dança, Joaninha! – Esta foi a Transfiguração da sofredora. Pouco tempo, mas foi o suficiente. Uns dias depois chegou o fim dela, mas a glória que irrompeu ficou nela, e o gosto da alegria não passou. Ir. Andreza esteve presente na última hora e falou de novo: Dança, Joaninha! (Dortmund, dia 6 de 8 de 2009)

Obs: Imagem enviada pelo autor.

O autor é  Frade Franciscano, nasceu na Alemanha em 1940.
Chegou ao Brasil como missionário em 1964. Depois de completar os estudos em Petrólis atuou no Piaui e no Maranhão. Exerceu trabalhos pastorais nos anos 80 em meio a conflitos de terra. Desde 1995 vive em Teresina no RETIRO SÃO FRANCISCO onde orienta pessoas na busca da vida espiritual.

Este texto expressa exclusivamente a opinião do autor e foi publicado da forma como foi recebido, sem alterações pela equipe do Entrelaços.


busca
autores

Autores

biblioteca

Biblioteca

Entrelaços do Coração é uma revista online e sem fins lucrativos compartilhada por diversos autores. Neste espaço, você encontra várias vertentes da literatura: atualidades, crônicas, reportagens, contos, poesias, fotografias, entre outros. Não há linha específica a ser seguida, pois acreditamos que a unidade do SER é buscada na multiplicidade de ideias, sonhos, projetos. Cada autor assume inteira responsabilidade sobre o conteúdo, não representando necessariamente a linha editorial dos demais.
Poemas Silenciosos

Flickr do (Entre)laços

ExposiçãoDesenhos

Série "Natureza"

Série Natureza

DeJanelaEmJanela

DeCostas

Série "Detalhes"

Série "MoradaImprovisada"

Série Morada Improvisada

Finados

Tratando de peixe

Série Flores

Série Flores

Esporte na Colônia

Série Natureza 01

Série Natureza 05

Caxambu

Caxambu

Caxambu - 02

Caxambu - 01

Penumbra...

Aglomeração...

Portão florido...

Barra Palace

Conjunto Harmonioso...

Reunião privada...

Espaços ocupados...

Arquitetura Perfeita...

Convergência II

Convergência I