[email protected]

3 – JESUS, MESSIAS DE DEUS

Em meio a nossa tristeza e confusão, a liturgia faz-nos contemplar o Messias, Jesus, o Ungido de Deus. O profeta Isaías (61, 1-4) e o evangelista São Lucas (4, 16-21) nos clareiam o sentido de sua missão: ungido pelo Espírito Santo e enviado para levantar caídos, libertar gente escravizada e humilhada, curar corações feridos, proclamar a dignidade dos pobres, reconstruir habitações em ruínas, transformar luto em festa, anunciar que a felicidade é possível. Como é possível mudar? Responde-nos a Epístola aos Hebreus (7,26-28): Jesus, completamente inocente, abre-nos o caminho, rompe os véus e nos deixa o exemplo a seguir: enfrenta os poderes do mundo e oferece-se a si mesmo, solidariamente por seu povo e por nós.

A oração que recitamos na liturgia da Bênção dos Óleos faz a síntese das lições da Bíblia:

– Jesus, ungido pelo Espírito para proclamar a Boa Nova à universalidade dos povos;

– a Boa-Nova se faz real, é palavra que se cumpre na partilha do pão;

– nossos olhos se abrem pela fé para contemplar Jesus como o Ungido de Deus;

– por Ele, a unção se comunica a nós para continuar no mundo sua obra redentora.

4 – COMPROMISSO

É esta uma mensagem central que a liturgia da Semana Santa quer deixar impressa em nós. Diante da Cruz e com a força do Espírito que ressuscita os mortos, renovamos nosso compromisso de servir, como “o Filho do Homem que não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em resgate pela multidão”. O ministério da Igreja, de todos os seus membros, se perverte quando o tomamos como privilégio, separação e poder, pois é sacrifício e serviço. É este o compromisso que firmamos diante do altar. Saímos portando conosco os óleos da unção, sinal sensível a recordar que a unção do Espírito se derrama sobre o povo de Cristo – “cristãos” quer dizer povo de ungidos, povo todo enviado a continuar a obra redentora: unção do Batismo para que sejamos membros do Corpo de Cristo; unção da confirmação que nos compromete com o combate de Cristo nas fileiras militantes da Igreja; unção da ordenação para ajudar a Igreja inteira a se sentir ordenada ao ministério de Cristo; unção de enfermos, sinal de que o Espírito nos assiste e fortalece em nossas fragilidades e enfermidades. Saímos portando conosco o viático da Santa Eucaristia que nos faz um com Cristo, carne de nossa carne e sangue de nosso sangue, Cristo, sentido de nossa vida, Jesus, Mestre de nossa caminhada.

Nesta Páscoa juntam-se a nós três novos presbíteros admitidos na Igreja Episcopal Anglicana do Brasil: Ariel Montero, Teobaldo Barbosa e Washington Franco. Sejam bem-vindos para fortalecer nossa missão comum de continuar, de maneira efetiva, a obra redentora de Jesus, para que este mundo seja melhor por nossa oração, por nossa palavra profética, por nossa ação solidária em favor da justiça e possamos ter a mesma glória do Apóstolo São Paulo e dizer como ele que “completamos em nossa carne o que faltou à paixão de Jesus: “Incessantemente e por toda parte trazemos em nosso corpo a agonia de Jesus, a fim de que a vida de Jesus seja também manifestada em nosso corpo”! (2Cor 4, 10).

FELIZ PÁSCOA!
Recife, 11 de Abril de 2010, Domingo da Oitava da Páscoa

* Bispo da Diocese Anglicana do Recife – DAR
www.dar.ieab.org.br

Este texto expressa exclusivamente a opinião do autor e foi publicado da forma como foi recebido, sem alterações pela equipe do Entrelaços.


busca
autores

Autores

biblioteca

Biblioteca

Entrelaços do Coração é uma revista online e sem fins lucrativos compartilhada por diversos autores. Neste espaço, você encontra várias vertentes da literatura: atualidades, crônicas, reportagens, contos, poesias, fotografias, entre outros. Não há linha específica a ser seguida, pois acreditamos que a unidade do SER é buscada na multiplicidade de ideias, sonhos, projetos. Cada autor assume inteira responsabilidade sobre o conteúdo, não representando necessariamente a linha editorial dos demais.
Poemas Silenciosos

Flickr do (Entre)laços

ExposiçãoDesenhos

Série "Natureza"

Série Natureza

DeJanelaEmJanela

DeCostas

Série "Detalhes"

Série "MoradaImprovisada"

Série Morada Improvisada

Finados

Tratando de peixe

Série Flores

Série Flores

Esporte na Colônia

Série Natureza 01

Série Natureza 05

Caxambu

Caxambu

Caxambu - 02

Caxambu - 01

Penumbra...

Aglomeração...

Portão florido...

Barra Palace

Conjunto Harmonioso...

Reunião privada...

Espaços ocupados...

Arquitetura Perfeita...

Convergência II

Convergência I