Gerson F. Filho 29 de junho de 2010

[email protected]

Na monotonia dos descalabros,
Sorrio entre sonhos que sucumbiram.
Minhas hipóteses de futuro
Morreram antes da esquina.

Vivo um tempo sem sentido.
Coisas absurdas caminham no cotidiano,
Mas ninguém vê, ou faz de conta que não.
Assina-se hoje o pé da página em branco.

Sem tamanho é a indiferença.
Nada mais parece chocar,
O inominável dorme em várias casas.
A morte de inocentes é o trivial.

Lutar por um ideal virou crime,
E a multidão concorda com o acinte
Que mora nos porões elásticos
Da falta de moral.

Propina trambique e tubaína,
São servidos a francesa nos jornais.
E o povo o que faz?
Rebola ao rit do momento.

Colunas subornadas
Pontuam com adereços o noticiário.
Contornam o escrúpulo com retórica,
Sabem mas não dizem.

E se contam tergiversam,
Evadindo-se da verdade da opinião.
O que sobrará para o amanhã?
A carcaça de uma nação!

Obs: Imagem enviada pelo autor.

Este texto expressa exclusivamente a opinião do autor e foi publicado da forma como foi recebido, sem alterações pela equipe do Entrelaços.


busca
autores

Autores

biblioteca

Biblioteca

Entrelaços do Coração é uma revista online e sem fins lucrativos compartilhada por diversos autores. Neste espaço, você encontra várias vertentes da literatura: atualidades, crônicas, reportagens, contos, poesias, fotografias, entre outros. Não há linha específica a ser seguida, pois acreditamos que a unidade do SER é buscada na multiplicidade de ideias, sonhos, projetos. Cada autor assume inteira responsabilidade sobre o conteúdo, não representando necessariamente a linha editorial dos demais.
Poemas Silenciosos

Flickr do (Entre)laços

ExposiçãoDesenhos

Série "Natureza"

Série Natureza

DeJanelaEmJanela

DeCostas

Série "Detalhes"

Série "MoradaImprovisada"

Série Morada Improvisada

Finados

Tratando de peixe

Série Flores

Série Flores

Esporte na Colônia

Série Natureza 01

Série Natureza 05

Caxambu

Caxambu

Caxambu - 02

Caxambu - 01

Penumbra...

Aglomeração...

Portão florido...

Barra Palace

Conjunto Harmonioso...

Reunião privada...

Espaços ocupados...

Arquitetura Perfeita...

Convergência II

Convergência I