Paula Barros 13 de setembro de 2008

www.pensamentosefotos.blogspot.com
( [email protected])

Tanta força para esquecer
Os músculos estão fatigados
De tanto puxar você de dentro de mim

Técnicas de meditação
Mire um ponto
Foque a sua atenção
Um ponto de luz
O ponto é você

Técnica de respiração
Inspire profundo pelo nariz
Pense em fatos positivos
Deixe entrar
Tomar todo o seu corpo
Só entra você

Expire profundo
Pense nas coisas negativas
Nas pessoas que te atormentam
Penso em você
Solte o ar pela boca e os pensamentos
Sai o ar
Fica você e o pensamento

Tanto esforço
Estou cansada de lutar
Contra você
No dia que tento esquecer
Começo a escrever, escrever….

Tudo que eu queria era esquecer
Você
Mas você me faz escrever, escrever…
Gosto de escrever
Então sorrio
Penso em você

Obs: Imagem enviada pela autora.( Foto de Daniel Oliveira)

Este texto expressa exclusivamente a opinião do autor e foi publicado da forma como foi recebido, sem alterações pela equipe do Entrelaços.


busca
autores

Autores

biblioteca

Biblioteca

Entrelaços do Coração é uma revista online e sem fins lucrativos compartilhada por diversos autores. Neste espaço, você encontra várias vertentes da literatura: atualidades, crônicas, reportagens, contos, poesias, fotografias, entre outros. Não há linha específica a ser seguida, pois acreditamos que a unidade do SER é buscada na multiplicidade de ideias, sonhos, projetos. Cada autor assume inteira responsabilidade sobre o conteúdo, não representando necessariamente a linha editorial dos demais.
Poemas Silenciosos

Flickr do (Entre)laços

ExposiçãoDesenhos

Série "Natureza"

Série Natureza

DeJanelaEmJanela

DeCostas

Série "Detalhes"

Série "MoradaImprovisada"

Série Morada Improvisada

Finados

Tratando de peixe

Série Flores

Série Flores

Esporte na Colônia

Série Natureza 01

Série Natureza 05

Caxambu

Caxambu

Caxambu - 02

Caxambu - 01

Penumbra...

Aglomeração...

Portão florido...

Barra Palace

Conjunto Harmonioso...

Reunião privada...

Espaços ocupados...

Arquitetura Perfeita...

Convergência II

Convergência I