“Se a Amazônia, sob uma ética humanista, deve ser internacionalizada, internacionalizemos também as reservas de petróleo do mundo inteiro.
O petróleo é tão importante para o bem-estar da humanidade quanto a Amazônia para o nosso futuro. Apesar disso, os donos das reservas sentem-se no direito de aumentar ou diminuir a extração de petróleo e subir ou não o seu preço”.(Cristóvão Buarque)

Atualmente a questão a cerca da internacionalização da Amazônia está em discussão. No entanto, as discussões em torno da preservação desse patrimônio são mínimas, mediante isso podemos perceber que os interesses são meramente capitalistas, e não ecológicos.
Porque são evidentes os países que têm interesse pela região, como sempre são eles, os grandes que querem aproveitar o grande banco genético da região e outras riquezas, para elaborarem pesquisas, cujos resultados voltarão à Amazônia em forma de produtos manufaturados, os quais dificilmente serão acessíveis aos povos da região, devido ao seu alto custo.

Entregar a Amazônia, a um grupo como esse, seria entregá-la a lobos famintos. Porque os exemplos são claros, por isso vejamos algumas multinacionais presentes na região:
A oeste do Pará (Santarém) tem a CARGIL que se instalou ilegalmente na região e financia a devastação da floresta naquela localidade. A margem esquerda do rio Tapajós está a ALCOA, outra multinacional que extrai minério, deixando apenas tristeza e lágrimas em nossos olhos ao ver rios e florestas destruídos, e pior de tudo sem possibilidade de rever aquele verde refletir luz em nossas retinas.

Diante de tais atitudes de agressão ao meio ambiente credito a nação brasileira como herdeira legal, total direito sobre Amazônia. Porém devemos cuidar dela com muito amor, pois se não o fizermos hoje, em um amanhã próximo não teremos nem Amazônia nacional e muito menos Amazônia internacional. Salvemos a Amazônia das mãos dos mercenários.

Este texto expressa exclusivamente a opinião do autor e foi publicado da forma como foi recebido, sem alterações pela equipe do Entrelaços.


busca
autores

Autores

biblioteca

Biblioteca

Entrelaços do Coração é uma revista online e sem fins lucrativos compartilhada por diversos autores. Neste espaço, você encontra várias vertentes da literatura: atualidades, crônicas, reportagens, contos, poesias, fotografias, entre outros. Não há linha específica a ser seguida, pois acreditamos que a unidade do SER é buscada na multiplicidade de ideias, sonhos, projetos. Cada autor assume inteira responsabilidade sobre o conteúdo, não representando necessariamente a linha editorial dos demais.
Poemas Silenciosos

Flickr do (Entre)laços

ExposiçãoDesenhos

Série "Natureza"

Série Natureza

DeJanelaEmJanela

DeCostas

Série "Detalhes"

Série "MoradaImprovisada"

Série Morada Improvisada

Finados

Tratando de peixe

Série Flores

Série Flores

Esporte na Colônia

Série Natureza 01

Série Natureza 05

Caxambu

Caxambu

Caxambu - 02

Caxambu - 01

Penumbra...

Aglomeração...

Portão florido...

Barra Palace

Conjunto Harmonioso...

Reunião privada...

Espaços ocupados...

Arquitetura Perfeita...

Convergência II

Convergência I