(Comentário/ editorial do padre Edilberto Sena no Jornal da Manhã (Rádio Rural AM),

Quem trabalha com meios de comunicação, especialmente rádio e televisão e agora internet, tem uma grande cruz a carregar na vida: gerar informações éticas e objetivas. Não apenas para deixar seu público informado, em condição de formar sua própria opinião, como também respeitar a busca da verdade, cuidando também de respeitar a dignidade de terceiros. Uma informação errada, mal pesquisada se torna irresponsável e os prejuízos são difíceis de serem sanados.

Em Santarém, acaba de acontecer um desses casos de informação mal feita e irresponsável. Uma criança foi assassinada nos braços da mãe à queima-roupa, por um desconhecido perverso. Ao lado da mãe estava uma senhora, que tinha chegado ali de uma reunião religiosa. Também ela recebeu dois tiros no corpo e está no hospital em recuperação.

O repórter correu lá no local do crime para uma rápida notícia. Não pesquisou em profundidade e, na ânsia de dar a informação em prmeira mão a seu público, afirmou que a mulher baleada, que está no hospital é “seguramente” traficante e, daí, a razão de ter sido baleada.

A notícia se espalhou pelo bairro, pela cidade e até onde seu veículo de comunicação alcança. Amigos e parentes da senhora baleada ficaram chocados com a difamação, porque conhecem a mulher e sabem que é pessoa de comunidade, ligada à catequese de sua igreja e injustamente difamada.

Em cima de um crime, desta vez outro crime por difamação por alguém dos meios de comunicação social. Tudo por falta de ética, falta de seriedade na busca da informação, sem apresentar o contraditório num fato controverso.

Agora, mesmo que o jornalista decida se esclarecer e pedir desculpas pelo equívoco, o mal não será nunca totalmente sanado e a boa fama daquela senhora baleada, ainda no hospital, estará manchada injustamente.

Um dia alguém a verá na rua e poderá dizer: lá vai a traficante que foi baleada. Por isso, toda pessoa que gera informação pública carrega uma cruz pesada, a cruz da ética.

Este texto expressa exclusivamente a opinião do autor e foi publicado da forma como foi recebido, sem alterações pela equipe do Entrelaços.


busca
autores

Autores

biblioteca

Biblioteca

Entrelaços do Coração é uma revista online e sem fins lucrativos compartilhada por diversos autores. Neste espaço, você encontra várias vertentes da literatura: atualidades, crônicas, reportagens, contos, poesias, fotografias, entre outros. Não há linha específica a ser seguida, pois acreditamos que a unidade do SER é buscada na multiplicidade de ideias, sonhos, projetos. Cada autor assume inteira responsabilidade sobre o conteúdo, não representando necessariamente a linha editorial dos demais.
Poemas Silenciosos

Flickr do (Entre)laços

ExposiçãoDesenhos

Série "Natureza"

Série Natureza

DeJanelaEmJanela

DeCostas

Série "Detalhes"

Série "MoradaImprovisada"

Série Morada Improvisada

Finados

Tratando de peixe

Série Flores

Série Flores

Esporte na Colônia

Série Natureza 01

Série Natureza 05

Caxambu

Caxambu

Caxambu - 02

Caxambu - 01

Penumbra...

Aglomeração...

Portão florido...

Barra Palace

Conjunto Harmonioso...

Reunião privada...

Espaços ocupados...

Arquitetura Perfeita...

Convergência II

Convergência I