“Este é dia que o Senhor fez para nós! Alegremo-nos e nele exultemos!” (Sl 118, 24). Celebremos, pois, a festa com alegria. Cristo está vivo! Ressuscitou! Esta é a nossa profissão de fé: “Ele está no meio de nós!” E a promessa de Jesus é que ele continuará conosco para sempre. “Eis que eu estou com vocês todos os dias até o fim do mundo” (Mt 28,20).

Celebrar a Páscoa, celebrar a ressurreição de Cristo é também ter olhos novos para perceber o novo acontecendo. Para perceber a vida brotando na esperança que renasce nos corações, na disponibilidade generosa dos que se colocam a serviço dos irmãos, na consciência da responsabilidade daqueles que estão empenhados na valorização da vida, na busca da harmonia, na construção da paz e na preservação do meio ambiente – “vida e missão neste chão”.

A celebração da Páscoa é um convite a nos comprometermos de novo e de forma nova com o resgate da vida em todas as suas manifestações, procurando eliminar os distanciamentos, acolhendo como o Pai misericordioso, perdoando e oferecendo vida nova no amor. “Eu vim para que tenham vida e a tenham em plenitude” (Jo 10,10).

Celebrar a Páscoa é, ainda, celebrar a energia amorosa de Deus que, pelo seu Espírito, faz novas todas as coisas. “Eis que faço novas todas as coisas” (Ap 21, 5). Portanto, este é para nós, o grande desafio: deixar-nos transformar a partir de dentro, em criaturas novas, segundo o desejo de Deus. Isso é Páscoa!

A Páscoa de Cristo, hoje, se realiza em todas as pessoas e grupos que promovem a dignidade, a vida nova e a paz. Caminhemos com alegria e esperança, não só para a celebração anual da Páscoa como uma data que amanhã já estará no passado, mas o coração voltado para a Páscoa definitiva. Essa é uma perspectiva fascinante – a Páscoa da eternidade.

O Senhor ressuscitou verdadeiramente, aleluia!



busca
autores

Autores

biblioteca

Biblioteca

Entrelaços do Coração é uma revista online e sem fins lucrativos compartilhada por diversos autores. Neste espaço, você encontra várias vertentes da literatura: atualidades, crônicas, reportagens, contos, poesias, fotografias, entre outros. Não há linha específica a ser seguida, pois acreditamos que a unidade do SER é buscada na multiplicidade de ideias, sonhos, projetos. Cada autor assume inteira responsabilidade sobre o conteúdo, não representando necessariamente a linha editorial dos demais.
Poemas Silenciosos

Flickr do (Entre)laços

ExposioDesenhos

Srie "Natureza"

Srie Natureza

DeJanelaEmJanela

DeCostas

Srie "Detalhes"

Srie "MoradaImprovisada"

Srie Morada Improvisada

Finados

Tratando de peixe

Srie Flores

Srie Flores

Esporte na Colnia

Srie Natureza 01

Srie Natureza 05

Caxambu

Caxambu

Caxambu - 02

Caxambu - 01

Penumbra...

Aglomerao...

Porto florido...

Barra Palace

Conjunto Harmonioso...

Reunio privada...

Espaos ocupados...

Arquitetura Perfeita...

Convergncia II

Convergncia I